13 de janeiro de 2011

"não quero mudar você
nem mostrar novos mundos
poie eu, meu amor, acho graça até mesmo em clichês.

adoro esse olhar blasé
que não só já viu quase tudo
mas acha tudo tão déjà vu mesmo antes de ver.

só proponho
alimentar meu tédio.
para tanto, exponho
a minha admiração.
você em troca cede o
seu olhar sem sonhos
à minha contemplação:

adoro, sei lá por que,
esse olhar
meio escudo
que em vez de meu álcool forte pede água perrier."

[água perier - por antônio cícero]



gosto muito desse poema e me lembrei dele hoje, almoçando com o meu queridíssimo lu de laurentiz.
nós não bebemos água perrier, mas o lu comentou que gostava muito da marina lima, o que me fez lembrar do poeta irmão dela, antônio cícero, e consequentemente desse poema.
.
buscando imagens da bendita água perrier no google, encontrei a dita. não a dita cuja, a dita von teese. e descobri que ela fez uma parceria massa com a marca. clique aqui para jogar os dados e se divertir com essa gata! as mulheres também, por que não? ela não é de se jogar fora, vai! e o site ficou bem bacana. ;)
enjoy!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...