29 de agosto de 2009

"venha me beijar, doce vampiro, na luz do luar.
venha sugar o calor de dentro do meu sangue vermelho
tão vivo, tão eterno... veneno!
que mata sua sede
que me bebe quente, como um licor
brindando a morte, e fazendo amor..."

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...